ESPECIAL DE DOMINGO: Pesquisa aponta que a maioria das insulinas são usadas, Lantus é a mais utilizada pelos diabéticos.

ESPECIAL DE DOMINGO: Pesquisa aponta que a maioria das insulinas são usadas, Lantus é a mais utilizada pelos diabéticos.
Fonte: Pesquisa realizada pelo GAAD - Amigos Diabéticos.

Em recente pesquisa realizada pelo Grupo de Apoio aos Amigos Diabéticos sobre as insulinas utilizadas pelos diabéticos, notou-se que, praticamente as 5 mais conhecidas do mercado são utilizadas. Todas apresentaram resultado superior ou igual à 80% dos votos.
A enquete feita no site do grupo de Sorocaba em São Paulo, teve 308 votos em um curto período de observação.

O resultado obtido pelo grupo foi o seguinte. Que tipo de insulina injetável você usa?

Humana
261 (84%)
Regular
252 (81%)
Glargina
253 (82%)
Lantus
277 (89%)
Lispro
248 (80%)

Votos até o momento: 308
Enquete encerrada

Existem vários tipos de insulina, com início de efeito, período de concentração máxima e duração do efeito que variam conforme o tipo de insulina. A seleção da mais apropriada ou combinação de diversos tipos dependem da resposta individual ao fármaco, das condições do diabete e dos hábitos do paciente.

A insulina pode ser extraída do pâncreas do boi ou do porco ou através de biotecnologia com obtenção de molécula idêntica a insulina humana.

As insulinas bovina e porcina podem ser obtidas através de purificação simples ou sofrerem processos mais complexos para extrair outros peptídeos pancreáticos, neste caso sua denominação é acrescida de termos tais como " altamente purificados" ou " monocomponentes" .

Os três tipos de insulina ( humana, suína e bovina) causam efeito semelhante no homem e são denominadas insulinas regulares ou simples ou de " single peak" ( único pico de ação). São cristalinas, solúveis em água e com início do efeito imediato pela via venosa ou após 30 minutos pela via subcutânea. São também denominadas insulinas solúveis ou insulinas não modificadas.

A insulina regular pode ser complexada com proteínas para liberação lenta (ex: insulina isofana ou NPH e insulina PZI) ou modificando o tamanho da partícula ( ex: suspensão de insulina zinco).

De acordo com a duração do efeito, podem ser classificadas:
o de curta duração - ao redor de 6 hs (insulina regular ou simples)
o de efeito intermediário - com duração até 24 horas
o de longa duração - ao redor de 36 horas

As insulinas bifásicas contém dois tipos de insulina, de modo a proporcionar picos e tempos de duração diferentes.
Preparação de insulina humana são menos imunogênicas do que preparações obtidas de animais. A insulina de porco é menos imunogênica que a bovina

Devido a possibilidade de diferentes respostas a insulinas de diferentes espécies, cuidados são recomendados para evitar a troca inadivertida de uma insulina de uma espécie para outra.
Redução na dose de insulina pode ser requerida na mudança de insulina animal (especialmente a bovina) para a humana.

As insulinas de origem bovina ou suína não devem ser empregadas alternativamente mesmo quando o tipo e conteúdo sejam equivalentes, já que existe uma diferença de espécies que requer um ajuste na dosificação.
Insulinas produzidas de diferentes espécies correspondem a mesma estrutura básica, mas com diferentes sequências de aminoácidos nas cadeias.

Tipo Origem Início do efeito Pico Duração
Insulina simples, regular ou cristalina Bovina, porcina ou humana ½ a 1 hora 2 a 4 horas 5 a 7 horas
Insulina isofana ou NPH Bovina, porcina ou humana 3 a 4 horas 6 a 12 horas 18 a 28 horas
Insulina bifásica (BP) mistura de porcina e/ou bovina c/ humana e/ou porcina 2 horas 4 a 12 horas até 24 horas
Insulina isofana bifásica (BP) Mistura de porcina e/ou bovina com humana e/ou porcina complexadas com protamina 2 horas 4 a 12 horas até 24 horas
Insulina semi lenta (USP) ou suspensão de insulina zíncica " Prompt" mistura de porcina e/ou bovina c/ humana e/ou porcina (e uma solução amorfa, não confundir com insulina PZI) 1 a 3 horas 2 a 8 horas 12 a 16 horas
Insulina Semi lenta (BP)ou suspensão de insulina zíncica amorfa Bovina, porcina e humana 2 horas 4 a 12 horas Até 24 horas
Insulina lenta ou suspensão de insulina zíncica Bovina, porcina ou humana 1 a 3 horas 8 a 12 horas 18 a 28 horas
Ultralenta ou insulina zíncica " extend" e/ou suspensão de insulina zíncica cristalina (BP) Bovina, suína ou humana 18 a 24 horas até 36 horas
Insulina Protaminozíncica ou PZI ( Protamina Zinc Insulin Suspension, c/ excesso de protamina na suspensão) Bovina, porcina e humana 4 a 6 horas 14 a 24 horas Até 36 horas
Nome comercial Laboratório tipo de insulina
Novolin Novo Nordisk Insulina humana monocomponente de várias formas Insulina humana monocomponente
Novolin R Novo Nordisk Insulina humana monocomponente regular
Novolin L Novo Nordisk Insulina humana monocomponente lenta
Novolin N Novo Nordisk Insulina humana monocomponente NPH
Novolin 70/30 Novo Nordisk Insulina humana monocomponente 70% NPH e 30% Regular
Monotard MC Novo Nordisk Insulina suína monocomponente suspensão zíncica, contendo zinco, NaCL, acetato de sódio (100UI + 0,13mg + 7mg = 1,4mg/ml).
Actrapid MC Novo Nordisk Insulina suína monocomponente regular
Biohulin Biobrás Humana monocomponente várias formas
Iletin Biobrás Insulina mista bovina e suína
Iolin Biobrás Insulina mista bovina e suína altamente purificada
Iolin R Biobrás Insulina mista bovina e suína altamente purificada Regular
Iolin N Biobrás Insulina mista bovina e suína altamente purificada NPH
Monolin Biobrás Insulina suína monocomponente
Neosulin Biobrás Insulina suína altamente purificada
Neosulin N Biobrás Insulina suína altamente purificada NPH
Neosulin R Biobrás Insulina suína altamente purificada Regular
Neosulin L Biobrás Insulina suína altamente purificada Lenta
Humulin Eli Lilly Insulina Humana várias formas
Humulin R Eli Lilly Cristais de insulina dissolvidos em líquido claro
Humulin N Eli Lilly Suspensão cristalina de insulina humana com protamina e zinco
Humulin L Eli Lilly Suspensão amorfa e cristalina de insulina humana
Humulin U Eli Lilly suspensão cristalina de insulina humana com zinco
Humulin 50/50 Eli Lilly 50% de insulina NPH e 50% de regular
Humulin 70/30 Eli Lilly 70% de insulina NPH e 30% de regular
Insulina mista prurificada Eli Lilly Insulina zíncica bovina neutra

Tipos de insulinas Nomes Comerciais
Humana monocomponente várias formas Novolin (Novo Nordisk)

Biohulin (Biobrás)

Humulin

Mista bovina e suína Iletin (Biobrás)
Mista bovina e suína altamente purificada Iolin (Biobrás)

Insulina mista purificada (Lilly)

Suína monocomponente Monolin (Biobrás)

Neosulin (Biobrás)

Actrapid MC (Novo Nordisk)

Suína monocomponente suspensão zíncica Monotard MC (Novo Nordisk)

0 comentários:

Postar um comentário

O GAAD Brasil - Grupo de Apoio aos Amigos Diabéticos fica muito feliz em saber que nosso esforço e dedicação à informação deixa pessoas como você satisfeitas em comentar este assunto!

Obs.: As opiniões e textos expressos publicados nos comentários, são de responsabilidade daqueles que a assinam (ou de seu IP).

 
© 2008-2012 by Luís Uffermann | Todos os direitos reservados ao GAAD - Grupo de Apoio aos Amigos Diabéticos | Design by Wpthemedesigner | Converted To Blogger Template By Anshul